europa youth volunteer http://neveranother.live/2018 alle philips tv modelle stor kvise med hevelse kaptein kasper skjerve dichte durch masse here lykke sko åbningstider instruction archives 2009 there sydney brooke simpson hjemmelavet julepynt nisser here brandy melville bogstadveien åpningstider http://shinemillion.space craiglist personals alternative vietnam

texas pocket mate 120 click Boulos vai participar, na terça feira (5), de um diálogo com o tema “Quais os desafios da transformação social no Brasil hoje?”

A eleições 2018 se aproximam e os pré-candidatos à Presidência da República de vários partidos já mobilizam suas bases, as aparições públicas são frequentes e as viagens começaram. Pela movimentação pode-se dizer que a campanha já começou. E quem estará em Feira de Santana, na próxima terça-feira (5), para falar de sua propostas é o Guilherme Boulos, pré-candidato do PSOL à Presidência.

Boulos que também é o coordenador nacional do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) irá participar de um diálogo com o tema: “Quais os desafios da transformação social no Brasil hoje?”. O diálogo acontecerá no auditório III, do módulo IV, da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS). Confiram, à seguir, a nota do PSol de Feira com detalhes do evento.

Na próxima terça-feira (dia 05 de junho), a partir das 18:30, Guilherme Boulos estará em Feira de Santana. Boulos, pré-candidato à Presidência da República pelo Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) e coordenador nacional do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), virá ao município para participar de diálogo com o tema “Quais os desafios da transformação social no Brasil hoje?”.

Boulos compõem a pré-candidatura presidencial conjuntamente com Sônia Guajajara, pré-candidata à Vice-Presidência da República e coordenadora da Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (APIB). O projeto político representado por Boulos e Guajajara expressa a construção de uma alternativa política não só para enfrentamento do atual cenário de retrocessos e ataques aos direitos da maioria da população: se trata da tentativa ultrapassar a política de conciliação com os interesses dominantes e construir um novo horizonte de transformações reais através de uma aliança que mobiliza sem tetos, povos originários, mulheres, negras e negros, LGBTQIs, ativistas culturais, jovens e a classe trabalhadora em sua diversidade. Nesse sentido, o diálogo em Feira é não apenas uma oportunidade para conhecer mais de perto as ideias defendidas por Boulos, mas também mais um passo nesse processo de luta.

Além desse momento de discussão, o evento será marcado ainda pela intervenção poética “Marielle presente!” que colocará em questão a recente execução da vereadora Marielle Franco (PSOL – RJ) e a continuidade de suas lutas. A atividade é uma realização conjunta do PSOL, do Partido Comunista Brasileiro (PCB), da Plataforma Vamos e da Frente Povo Sem Medo. O momento de diálogo está marcado para o espaço do auditório 3, do módulo 4, da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS).